Governo não paga e Farmacêuticos são prejudicados.

poradmin

Governo não paga e Farmacêuticos são prejudicados.

Os Farmacêuticos, servidores públicos do Estado do Tocantins, têm relatado ao Sindifato que, têm recebido cobranças, principalmente de instituições bancárias e planos de saúde, referentes as parcelas não pagas.

Os valores são descontados regularmente na folha de pagamento dos servidores, porém não têm são repassados, com a mesma frequência, para as empresas credoras, que realizam, insistentes, cobranças por telefone e notificações via correios.

Em alguns casos chegam a negativar o CPF dos servidores no serviço de proteção ao crédito e até protestos em cartório. Os servidores que se sentirem prejudicados e/ou forem negativados, de forma indevida, devem procurar o sindicato dos farmacêuticos para receber as orientações necessárias.

Fonte: Sindifato.

Sobre o Autor

admin administrator

Deixe uma resposta